How I Met Your Father, o spin-off de How I Met Your Mother foi finalmente lançado. Os dois primeiros episódios foram massacrados por parte da crítica e nós assistimos para ver se é esse monstro todo aí. E antes, de qualquer coisa, preciso logo dizer: Não, não é ruim assim como dizem.

Aliás, se é ruim, é tão ruim quanto os primeiros episódios da primeira versão da série, que levou alguns capítulos para se encontrar. Nos primeiros episódios da série original, tudo não passava de uma comédia romântica genérica testando o público para ver até onde poderia ir.

How I Met Your Mother é uma das séries que mais assisti na vida. Sei que tô errado em gostar tanto, mas é verdade. Os anos passam e meu senso crítico amadurece, mas eu sempre dou uma risada gostosa ao ver o Marshall se apaixonando pelo namorado argentino da Robin. SEMPRE.  

How I Met Your Father, por enquanto, não me soou nada muito diferente dos primeiros e clichês episódios da série original. São dois capítulos que servem mais para apresentar os personagens e suas personalidades do que para qualquer outra coisa. E funciona. O novo grupo parece ter várias facetas bem interessantes. E o melhor, sem se espelhar tanto no grupo original.

Hillary Duff como protagonista é boba e suas piadas são fracas? Sim, mas isso faz parte do personagem assim como fazia com Josh Radnor como o tedioso e problemático Ted Mosby. A série original sempre me ganhou pelo coração e pelo carisma dos personagens, mas o humor fica bom mesmo quando eles perdem o foco e decidem encher a série de estrelas aleatórias para fazer uns bicos. How I Met Your Mother ganhou corpo mesmo do meio da segunda temporada adiante, quando alguns conceitos foram quebrados e o romance entre Ted e Robin começou a sair de foco. How I Met Your Father tem a chance de se tornar algo mais original e engraçado muito antes! E tudo isso sem machismo e a gordofobia da primeira série.

How I Met Your Father nunca vai ser How I Met Your Mother. Aceitar isso pode ajudar a assistir a nova série

Lógico que sempre me dói pensar no mundinho que tanto gosto sabendo que meus queridos Ted, Lily, Marshall, Barney e Robin não estão mais ali. Mas a vida é sobre isso mesmo, e a própria HIMYM também. Sobre saber viver os novos momentos da vida, com os novos personagens e as novas histórias que vamos viver.

E também, pô críticos! É comédia romântica com risada no fundo, não dá para esperar obra de arte só por causa do saudosismo da série que vocês assistiam há 10 anos!

Sinceramente, como um grande amante de HIMYM, estou bem feliz com os primeiros eps do Spin-off. Que venham os próximos!

Já seguiu o Guia Etuíno de Entretenimento no Instagram? Então é só clicar aqui ou procurar @guia_etuino! Com isso você tem um contato ainda mais próximo com quem escreve por aqui.