Neil Gaiman é um gigante. E não é só por ter criado Sandman ou Deuses Americanos. Sua visão e forma de expressão são mega influentes e trazem uma visão mais filosófica sobre conceitos abordados nos quadrinhos e na vida. Para aquela parte chata dos leitores do quadrinho que se acha especial, gostar de Neil Gaiman é essencial para ganhar uma carteirinha oficial de Nerd. Mas parece que essa galerinha não entendeu muito bem o que ele vem dizendo ao longo dos anos (novidade, né).

Um vídeo do Fernando Caruso, lá da Caverna do Caruso, levantou uma questão interessante ao autor: A presença de minorias nas histórias irrita pessoas do mundo todo ou essa cagação de regra é coisa de brasileiro? Para a surpresa de ninguém, ele disse que os brasileiros reclamam da diversidade mais do que qualquer um ao redor do mundo. Quem diria que a população do país que elegeu nosso atual presidente pensava assim, né galera?

“No Twitter, parece ser especificamente um fenômeno brasileiro falando disso. Além dali, eu não tenho visto essa sensação de pessoas tentando ser mais espertas que Sandman, quando elas claramente nem leram Sandman. Essa foi a coisa mais estranha sobre isso. ‘Ah, sim, nós lemos que você vai modernizar Sandman, então vai ser esse Sandman moderno, com gays, lésbicas, pessoas trans e talvez pessoas negras’. Sim, isso é Sandman. É o mesmo Sandman de 33 anos atrás, então tudo que isso me diz é que você nunca leu Sandman. Então, essa idiotice em particular, esse sentimento de que você sendo trollado por pessoas estúpidas que não fazem ideia do que elas estão trollando, é algo especificamente brasileiro.”

É de um constrangimento muito satisfatório ver Gaiman tentando falar sobre isso. O autor de histórias com mais de 30 anos sendo questionado por “fãs”, por conta de elementos que sempre estiveram lá, é algo inacreditável. E ele mesmo diz algo que cabe muito com parte dessa galera: Ou seja, parece que eles nem mesmo leram algo de Sandman.

Ah, o nerd

O nerd não entende a ligação entre os X-Men e minorias oprimidas, não entende que Star Wars é sobre revolução e não entende Sandman. Mas o que ele entende, então?

Durante essa semana Neil Gaiman estará bastante em foco no Brasil por conta da CCXP e isso deve ser algo interessante de acompanhar. Quantos nerds brazucas será que vamos ver tentando explicar Neil Gaiman para o Neil Gaiman?

Já seguiu o Guia Etuíno no Instagram? Pois trate de fazer isso agora clicando aqui! Aliás aproveita e segue a gente no Spotify também!