O Justiceiro um é personagem da Marvel que gosto muito, mas sei que ele carrega diversas questões complicadas em sua motivação. Aliás, muitas vezes essas complicações são o próprio ponto de alguns quadrinhos, que tentam mostrar o quão problemático pode ser o estilo do Justiceiro. Mas é claro, muita gente passa por cima de qualquer discussão e simplesmente prefere ver o personagem como um cara raivoso que faz justiça com as próprias mãos.

Sim, ele realmente é isso. Mas quando visto apenas dessa maneira superficial, essa motivação é muito complicada e influencia muita gente. Tanto que tem um monte de policial (e playboy maromba) que AMA estampar a caveira do Justiceiro em suas camisetas e uniformes. E o momento que estamos passando mostra e muito o quanto essa abordagem de violência como justiça por parte das autoridades pode ser complicada. O Justiceiro é um cara fodido da cabeça, que decidiu passar por cima de tudo e se vingar de todos que ELE considera errado. Po amigo policial, espero que você pense bem diferente disso, né?

Gerry Conway

O próprio CRIADOR DO JUSTICEIRO, Gerry Conway, se mostrou disposto a criar uma campanha para desassociar a caveira com essa brutalidade romantizada da polícia. O CRIADOR. Conway convocou a galera para usar a caveira como símbolo de justiça e não de opressão.

A questão é: O Justiceiro muitas vezes age como criminoso e nada justifica suas atitudes. Ver policiais assumindo esse manto é ASSUSTADOR. Mas é só mais uma prova do quão superficiais as pessoas podem ser para assumir discursos convenientes com seus pensamentos. Mas também, essa distorção de narrativa não é novidade, né? Olha o tanto de policial fã de Tropa de Elite que tem por aí.

Já seguiu o Guia Etuíno de Entretenimento no Instagram? Então é só clicar aqui ou procurar @guia_etuino!